3 comentários:
De helder a 26 de Abril de 2009 às 00:36
Primeiro Ministro mente quanto a necessidade de um novo Aeroporto em Lisboa.

O Aeroporto de Lisboa nao esta esgotado mas precisa de uma gestao eficiente das chegadas e partidas de avioes. O novo terminal 2 veio provar que ainda ha um excedente de capacidade no Aeroporto.

Para as companhias Low Cost podem deixa-las aterrar em Sintra ou Montijo. Mas o Primeiro Ministro nao deixa que as companhias Low Cost aterrem em Sintra ou Montijo prejudicando a economia porque os turistas acabam por nao vir a Portugal!
So porque o Primeiro Ministro quer que todas as companhias aereas aterrem no novo Aeroporto de Lisboa para que este seja rentavel, porque se abrissem uma base Aerea Low Cost em Sintra ou montijo ninguem iria apanhar voos a Alcochete.

Quanto ao TGV é a mesma coisa. O Primeiro Ministro sabe que a linha esta saturada. O Alfapendular qeu trasnporta 300 pessoas de cada vez faz 18 vezes por dia Lisboa Porto sempre cheio.
O Primeiro Ministro vem dizer que como a linha esta saturada que é preciso construir outra linha paralela com o nosso dinheiro, mas ninguem se lembrou que podemos aumentar a capacidade dos comboios que circulam na linha sem fazer obras.
Basta que comprem os comboios de dois andares que trasnportam 1400 pessoas de cada vez a 200km/h nas linhas mais saturadas da Europa. O comboio chama-se o IC2000 e nem sequer seriam precisas obras na linha do Norte e os bilhetes podiam ser mais baratos porque como vao mais passageiros por comboio o preço do bilhete poderia diminuir.

Mas o Primeiro Ministro mente-nos e obriga-nos a fazer estas obras MEGALOMANAS. Se fosse com o dinheiro dele de certeza que nao faria estas obras e aplicaria em escolas, hospitais, nas Universidades.
De pracana a 26 de Abril de 2009 às 08:11
Meu caro

Estou totalmenet de acordo. Aliás, privar Lisboa de um aeroporto para determinados voôs é economicamenet suicida para a Grande Lisboa. Porque não deixar a TAP e outras companhias em Lisboa e colocar as low cost em Alcochete.
Aliás, esse é um dos temas de Santana Lopes.
Quanto aos combóios, é 2 em 1. De acordo!
Se todos insistirmos, pode ser possivel evitar deixar aos nossos filhos uma divida....
De homoclinica a 26 de Abril de 2009 às 15:32
Além disso, segundo consta, o que se está a planear é semelhante ao novo aeroporto de Atenas. Esse novo aeroporto é tão caro que as companhias low-cost não o poderão usar e a companhia principal, neste caso a TAP irá à falência, como aconteceu na Grécia.
Eu já usei o TGV para o Porto e não ia assim tão cheio. Não sei se a linha actual comporta velocidades maiores que as actuais.
Já o TGV de Lisboa a Madrid é óbvio que andará às moscas. Se andam a fechar linhas ferroviárias porque não têm passageiros, que sentido faz construir outras que darão ainda maiores prejuízos??? Só para dar trabalho aos desempregados? Vai tudo para a construção civil?

Comentar post